Ao pé do ouvido

Já tem muita coisa acontecendo lá fora, dessas que fogem ao controle, que não têm medida, que são irracionais, entregues. Muitos já sofrem tanto, milhares não têm nem dignidade, o que custa se esforçar? E daí que parece que se vive uma vida na opressão, mas é isso que faz a harmonia, não é? O esforço? 

Tem quem ache que é uma questão de ganhar ou perder. Tem que ache que é o outro quem está querendo ganhar ou perder, tem quem está tão preso na ilusão da humildade, que acaba prisioneiro da maior arrogância que se tem notícia. Olhar nos olhos não é para qualquer um, tem que não saiba fazer isso. 

Ah, meu bem, não é o que está certo ou errado. Não é, muito menos, o que está no meio do que é bom pra mim ou ruim para você. Tentamos todos, tenta se desde que o mundo é mundo. Talvez até mais do que se deva. O amor, esse coitado, não merece ser levado às últimas consequências. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s