Unplugged

Coloquei aquele disco que tanto escutamos no ano 2000 e, talvez por estar febril, talvez pelo lindo dia de sol, não consegui deixar de sentir toda aquela brisa e silêncio da luz do fim de tarde da nossa cidade. Teve esse dia em especial, que sai de casa esperando te encontrar e parei debaixo de uma árvore tão bonita, tão bonita… Um lugar perfeito para fumar maconha e conversar sobre tudo que acontecia; o nada. Mas você não apareceu. Você nunca apareceu e eu fiquei ali sonhando sozinha com família, paz, sonhando em ser feliz. Antes de ir embora, o mar na sombra, um leve medo de nunca conseguir misturado com tudo que corre nas veias da juventude; a esperança. É engraçado te ver hoje em dia tão enquadrado e não termos mais o que falar um com o outro. Mas aí penso que você deve pensar o mesmo de mim, que fui tão clichê brigando com o que eu achava ser defeito geográfico.

Eu nunca senti sua falta, eu te deixei por puro desamor, mas, foi tão bonito achar que poderia ter te amado que você nunca sairá de mim, parte dessa nuvem nostálgica que abraça minha geração. Você no mesmo lugar de centenas de frames da minha memória, no lugar dos dias que fiz faculdade de letras em um campus deserto, das manhãs de um verão da minha pré-adolescência em que surfei em uma prancha quebrada de isopor, das tardes de cavalgada pela caatinga, apostando corrida com minha irmã sem segurar o cabresto do cavalo, da noite do meu primeiro beijo, das semanas inteiras que vaguei sozinha na casa de uma avó morta, das noites que dormi com o espírito dela na mesma cama dela, da independência que ganhei na casa mal assombrada dela.

Tudo isso está guardado junto com o amor que eu poderia ter sentido por você. E eu abro a caixa dessa memória como um ritual sagrado sempre que escuto os primeiros acordes do sol se pondo ou deste disco do ano 2000.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s