Pátio

O garoto espreme o rosto na grade da escola
o que pensa o garoto, às dez da manhã?
onde estarão seus amigos
por que ele está tão sozinho
às dez da manhã
talvez não pense em nada
além das garotas da rua
talvez seja o pastel da esquina
e a pelada na praça
que povoam seu pensamento de menino preso
quando a menina da saia comprida
passa a mão na cabeça do garoto triste
que espreme o rosto na grade
do portão da escola
a freira grita
ô garoto!
o que você está pensando, moleque?
porque as freiras não são santas
e de vez em quando desgostam
dos garotos com desejo de liberdade
elas não gostam
nem ninguém gosta
de garotos que respondem:
aquele que está na margem da margem, irmã,
como é que faz para sobreviver?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s