Numa manhã de domingo

Alguém aí
viu a placa de 2014?
ele me fez querer falar de amor
Não como se eu fosse uma mocinha
que escreve sobre orgasmo
como quem nunca teve um
Foi mais como se eu tivesse conseguido
segurar mil vezes
segurar até agora
meus múltiplos espasmos de prazer
e ainda estivesse sob efeito da última vez
enquanto desço a jardim botânico
de volta pra casa.
2014 me pegou de jeito
e quando me soltou
eu não era mais a mesma
Tipo quando a gente se ama
numa manhã quente
com hora para fazer o que quer que seja
e depois saímos de cabelo molhado
apressados
renovados
e todo mundo ao nosso redor
está igual ao dia anterior
2014 me ensinou a ser generosa
e me trouxe algo que eu nem sabia que podia ter
Eu cheguei dentro de mim
como banana que se junta ao leite
Me transformei em uma vitamina
que eu sempre quis ser
Não teve teaser
Não recebi telegrama
Não tive premonição
De repente eu sou
nada diferente, eu sou a mesma em 2014
Só que, se morri mil vezes
nasci muito mais
Eu brotei em 2014
de um jeito
de um jeito
que só quem teve um orgasmo múltiplo vai entender
2014, eu te amo mais que amo NY
que amo o sertão
que amo o Bessa
Você me pegou de jeito
e eu nunca mais vou parar de gozar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s