raw

Fico impressionada com pequenas coisas
e nada tem me arrebatado mais
do que ver teu cabelo, que cresce tão rápido
que não respeita a lua,
nem as estações
e fico pensando se ele tem a ver
com alguma magia
com um mistério que vai além
do caderno de curiosidades
que nunca escrevi
gosto mesmo é de guardar pequenas lembranças
e ando sempre a buscar por elas
pelas ruas de qualquer cidade
fazendo de cada canto e pedra
um pedaço do que sou
é por isso que sempre perco uma caneta ou outra
um caderno ou outro
uma jóia todo ano
por ter esgotado espaço na minha mala emocional
e sempre me espanto com palavras bonitas
como se eu nunca as tivesse ouvido
por falta de espaço
por falta de espaço eu já esqueci o nome de um menino que beijei
e a voz da minha avó só existe ainda
por pura sorte
por falta de espaço eu não lembro mais
daqueles dias em montevideo
por isso, desconfio,
não deixei nada naquela cidade
já aqui, as amendoeiras do Bairro Peixoto
tenho certeza,
vicejam como parte de mim
e do teu cabelo
que cresce tão rápido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s